A História da Música: I Don’t Want to Miss a Thing

A História da Música: I Don’t Want to Miss a Thing

A música I Don’t Want to Miss a Thing é um clássico da margem norte-americana Aerosmith. Essa canção faz secção da trilha sonora do filme Armageddon e foi lançada em 1998, conquistando as paradas de sucesso em vários países e ficando em evidência na Billboard. A história da música I Don’t Want to Miss a Thing tem relação direta com o filme Armageddon. Na verdade, essa canção deveria ter sido gravada por Celine Dion. A compositora da música foi Diane Warren. O que aconteceu no meio do trajectória foi que a margem Aerosmith recebeu a missão de fazer uma música para a trilha sonora de Armageddon, pois o filme tinha a filha do vocalista, Liv Tyler, uma vez que protagonista. Porém, o Aerosmith estava em turnê e vivia um momento de grande sobrecarga de shows, o que dificultou a criação da música para o filme. Ao chegar ao estúdio no dia de finalmente gravar a trilha, os músicos da margem não tinha teoria do que gravariam, já que não haviam trabalhado na canção encomendada. Foi quando um executivo da gravadora apresentou a música “I Don’t Want to Miss a Thing” a Steven Tyler. A margem acabou gravando um demo e roubando a música que estava destinada ao repertório da cantora Celine Dion. O sucesso da gravação inesperada foi tanto que a canção se tornou uma das mais famosas e populares da curso do Aerosmith. O CD com a música foi lançado no dia 18 de agosto de 1998. Sobre a margem Aerosmith A margem Aerosmith surgiu nos Estados Unidos. Trata-se de uma margem de rock, que ficou inicialmente conhecida uma vez que The Bad Boys from Boston. O grupo nasceu em Massachusetts, na década de 1970, com os músicos Joe Perry (guitarrista), Tom Hamilton (baixista), Steven Tyler (vocalista), Joey Kramer (baterista), Ray Tabano (guitarrista) e Brad Whitford (guitarrista). O primeiro contrato da margem foi assinado com a Columbia Records, em 1972. O sucesso foi súbito, consagrando o grupo uma vez que a margem de rock norte-americana que mais vendeu discos na história. Foram mais de 150 milhões de cópias comercializadas no mundo todo. A margem também ganhou quatro Grammy Awards e ingressou no Hall da Nomeada do Rock and Roll no ano de 2001. As canções de maior sucesso do Aerosmith foram: Crazy, I Don’t Want to Miss a Thing, Walk This Way, Dream On, Angel, Livin’ On The Edge, entre outras.

Base deste teor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *