Conheça o lustre que permite o reúso quase infinito de uma vela

Um invento fantástico fez sucesso em sites de notícias e veículos de notícia no mundo todo. O suporte que permite o reúso quase infinito de uma vela foi criado Benjamin Shine.

Trata-se de um tipo de lustre, batizado de Rekindle, que permite que você use a mesma vela de forma “infinita” graças a um mecanismo de regeneração, que coleta a cera derretida e a transforma em uma vela novinha em folha.

A queima da vela acontece normalmente, mas o lustre tem uma estrutura subordinado que vai acumulando a cera derretida, fazendo uma espécie de tomada inteligente da cera. Ao final da queima, uma novidade vela já está pronta para uso na base do mecanismo.

A invenção ficou conhecida porquê uma estrutura de movimento perpétuo. O incrível lustre Rekindle foi criado porquê um projeto de arte. À medida que a vela queima lentamente, ela se transforma em uma novíssima vela, em um movimento regenerador.

O design do suporte também é surpreendente. A vela de regeneração foi criada por um artista luzidio e muito inovador. A Rekindle Candle foi considerada um supimpa projeto, principalmente pela forma porquê ela funciona.

Economia na compra de velas!

Com leste dispositivo, as pessoas não precisam comprar novas velas com frequência, gerando economia. A cera derretida escorre pela estrutura e se acumula dentro de uma haste transparente que conta com um pavio. Uma vez que a vela esteja completamente derretida, basta perfurar o molde e remover uma vela novidade.

Para os próximos usos, é preciso investir em um novo pavio para a geração da labareda, que é gerada pela queima de vapores da cera. Com o tempo, a vela ficará um pouco menor, pois reduz de tamanho a cada vez que ela queima completamente.

A invenção é realmente inteligente e foi considerada particularmente útil para o uso durante o inverno em países frios, onde as tempestades de neve acabam fechando e isolando as cidades em várias situações. É verosímil comprar o castiçal de aço inoxidável, alumínio anodizado ou porcelana. As vendas são feitas pelo próprio artista Benjamin Shine. A teoria é incrível, não é mesmo?

Base deste teor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *