Curiosidades da República Checa

A Chéquia, ou oficialmente República Checa, é um país localizado na Europa Meão, fazendo fronteira com Polônia, Eslováquia, Áustria e Alemanha. A maior e mais populosa cidade do país é a capital, Praga. Antes de se tornar a República Checa, o país fazia secção da Checoslováquia, criado pelo tratado de Saint-Germain-en-Laye, em 1919. Anteriormente a isso, o país era integrante do Poderio Austro-Húngaro. Com o término da Segunda Guerra Mundial, o país, libertado da ocupação nazista pelo Tropa Vermelho, elegeu o Partido Comunista da Checoslováquia para comandar o país. Nos anos seguintes, o país tornou-se um Estado comunista de partido único sob a influência da União Soviética. O regime comunista caiu em 1989, através da Revolução de Veludo. Foi somente em 1993 que a Checoslováquia foi dissolvida pacificamente, dando origem à Eslováquia e à República Checa.
Além de ter um história muito interessante, o país é repleto de aspectos peculiares e curiosidades.

Conheça as cinco das melhores curiosidades sobre a República Checa.


Veja no planta

1 – Relógio antecipado

Catedral de São Pedro e São Paulo

A Catedral de São Pedro e São Paulo, na cidade de Brno, tem sinos que badalam o meio-dia uma hora antecipado, isto é, às 11 horas. De concordância com a mito, no remoto ano de 1645, durante a Guerra dos Trinta Anos, o comandante das tropas suecas invasoras tinha prometido que, se não tivessem tomado a cidade de Brno até meio-dia do dia 15 de agosto, iriam desistir do cerco. Alguns astutos cidadãos adiantaram o relógio durante a guerra, fazendo com que as tropas recuassem.

2 – Castelos e fortalezas

Castelos, República Checa

A República Checa é repleta de castelos e fortalezas antigas, dos mais variados períodos. De vestimenta, existem mais de 2 milénio castelos por lá. Na Europa, o país fica na terceira colocação na quantidade desse tipo de construção, detrás da Bélgica e da França. O forte mais famoso da República Checa é o Fortaleza de Praga, publicado por ser o maior em extensão de todo o mundo, com mais de 70 quilômetros quadrados.

3 – Durante a Segunda Guerra…

Durante o período da Segunda Guerra Mundial, Praga foi a única grande cidade europeia a não ser bombardeada por nenhum dos lados atuantes no conflito. Algumas fontes afirmam que Hitler tinha um libido de transformar a cidade na capital cultural da Europa Nazista.

4 – Kutná Hora

Cidade Kutná Hora
Crédito da foto: Viator

A história da cidade de Kutná Hora é sabidamente sofrida, repleta da mais variada sorte de desastres. Peste, inundações, incêndio, guerras, já aconteceu de tudo por lá. De vestimenta, as mortes se acumularam tanto que, no ano de 1870, um publicado artesão fez uma série de esculturas com ossos humanos e as expôs numa capela gótica. Até hoje, o Ossuário de Sedlec é uma das maiores atrações turísticas do país.

5 – Entre doces e pedras

O Natal da República Checa é uma das celebrações mais antigas e mágicas do país. No dia 5 de dezembro, a fantasia tradicional é São Nicolau, que mais tarde daria origem ao Papai Noel moderno. Os acompanhantes de São Nicolau são um criancinha com livros, que presenteia as crianças comportadas com doces, e um demônio com correntes, que entrega pedras e batatas às crianças sapecas.

Veja também:

Curiosidades da Polônia

Curiosidades da Alemanha

Curiosidades sobre a Áustria

Curiosidades da Rússia

Base deste teor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *