Mitos sobre Estrias

As celulites são consideradas as vilãs número 1 para as mulheres, mas as estrias estão quase no mesmo patamar, e é bastante difícil encontrar alguém que não tenha estrias. Pouco se sabe, entretanto, popularmente, a saudação das estrias, sua formação e tratamento. Por isso, resolvemos separar alguns mitos e verdades a saudação delas.

Verdades

As estrias são listras que aparecem na pele quando há uma hiperextensão na pele, quando há o rompimento das fibras de colágeno e elastina em decorrência do lucro de peso, gravidez, lucro de músculos, colocação de prótese de silicone, gravidez, entre outras causas. São uma vez que cicatrizes formadas em decorrência deste rompimento.

Quando estão avermelhadas ou rosadas, por serem mais recentes, são mais fáceis de tratar, pois ainda que haja o rompimento do tecido, ainda estão presentes fibras elásticas, permitindo que seja feito um tratamento para reversão do quadro com estímulos da renovação celular e da produção do colágeno. Quando for o caso, procure um médico profissional.

A hidratação da pele ajuda a evitar o emergência de estrias, principalmente com óleo de amêndoas, que conquistou muitas adeptas. A teoria é utilizar o resultado sempre em seguida o banho com movimentos circulares, fazendo uma ligeiro massagem.

Estria na barriga

Mitos

Não é verosímil, infelizmente, exterminar as estrias permanentemente, nem com cremes caseiros nem com tratamentos de subida tecnologia. Depois o rompimento, não há mais materiais de regeneração no sítio, e começa o processo de fibrose. Existe, entretanto tratamentos eficientes no que se refere a amenização da ar das estrias, apresentando resultados bastante satisfatórios.

Estria na bunda

Prurir não é um comportamento que justificação as estrias, mas o processo de rompimento das fibras pode sim promover comichão. Essa comichão ocorre um pouco antes do emergência das linhas, o que faz com que algumas pessoas se culpem por não ter aguentado a comichão, mas isso não foi a justificação, portanto não se culpe.

Estria no peito

O bronzeamento, seja sintético ou procedente, não vai melhorar, esconder ou resolver o problema, muito pelo contrário. O que acontece é a evidenciação das marcas, que são brancas, e terão um contraste maior com a coloração que a pele adquire em seguida o bronzeamento.

Também não resolve emagrecer, pois o emagrecimento rápido também pode ser um ocasionador das estrias, sendo importante, no processo de emagrecimento, possuir um período de adaptação para o corpo debutar a se afazer.

Leia também:
Mitos sobre a Mênstruo

Não são somente as mulheres que têm estrias, apesar da propensão. Homens também possuem, até porque existe propensão genética para o emergência destas. O que ocorre, na veras, é que os homens se incomodam menos com elas.

Base deste teor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *